Ir para conteúdo

Uvebs reitera reivindicações metropolitanas ao ministro da Saúde

Presidente do colegiado foi convidado a participar da comitiva da Região, recebida em Brasília

A União de Vereadores da Baixada Santista (Uvebs) reiterou suas reivindicações metropolitanas diretamente ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, em Brasília. O colegiado fez parte da comitiva de autoridades da Região, recebida pelo titular da Pasta, na última quarta-feira, dia 11.

A ideia de abordar os assuntos de forma metropolitana foi bem recebida pelo ministro, que acredita na união dos municípios e na tomada de decisões em conjunto, facilitando o progresso da Região. “O ministro tem um pensamento metropolitano, como nós. Ele acredita na nossa atuação em conjunto, integrada, como um consórcio, para que possamos conseguir as verbas e serviços necessários para a Baixada Santista de modo geral”, relatou o presidente da Uvebs, vereador Roberto Andrade e Silva, o Betinho (MDB-Praia Grande).

Mesmo sem um resultado efetivo, Betinho considerou a reunião positiva. “Foi importante para estreitarmos relações com o Governo Federal e para o que a União conhecesse mais a fundo as demandas da nossa Região, como a necessidade do aumento do teto MAC (Média e Alta Complexidade), para o qual entendemos haver um déficit de R$ 120 milhões”.

A audiência, que durou duas horas e meia, foi agendada pela deputada federal Rosana Valle. Além da Uvebs, compareceram os prefeitos de Baixada Santista e os respectivos secretários de Saúde.

SAÚDE

A Uvebs vem atuando em prol da Saúde desde o início da nova gestão, iniciada em dezembro do ano passado. Em julho, realizou, ao secretário de Saúde do Estado, José Henrique Germann Ferreira, a entrega de documento denominado “Raio-x da Saúde”, com levantamentos e dados estatísticos colhidos junto às secretarias municipais de cada uma das nove cidades da Baixada Santista e também a opinião dos membros da diretoria da Uvebs, de acordo com as experiências que vivem junto à população. “O vereador é o ente mais próximo da comunidade, portanto esta opinião é fundamental, pois reflete de maneira mais fiel os anseios reais da população que precisa do sistema e procura o vereador em busca de soluções”, comentou Betinho.

Para o presidente do colegiado, o esforço credenciou a entidade ao encontro em Brasília. “Fomos convidados, pois estamos realizando um relevante trabalho nesta área e não pretendemos parar até que consigamos soluções para toda a Baixada”.

Entre as reivindicações da Uvebs estão melhorias na Central de Regulação de Oferta de Serviços de Saúde (Cross), que é o que regula as vagas em UTIs e leitos nos hospitais públicos que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS) na Região, com a descentralização do serviço, bem como o aumento no número de leitos nos hospitais da Baixada.

Christiane Disconsi Ver tudo

Christiane Disconsi é jornalista, cientista política, pós-graduada em Marketing Digital e beer sommelière, certificada pelo Senac. Tem passagem como editora-chefe de jornal impresso e sólida experiência em PR, com destaque para a área política/governamental.

%d blogueiros gostam disto: